“Estava fora da minha consciência”, diz suspeito confesso de matar crianças em Viçosa Segundo Francisco Rogério Soares Pereira, de 27 anos, ele estava sob efeito de drogas quando esfaqueou os garotos de 10 e 8 anos de idade

18/07/2017 - 09h58
a- a+


Um dos suspeitos de matar os irmãos Iracione Almeida Cardoso, de 8 anos, e Francisco da Silva Cardoso Almeida, 10, no último domingo (16), em Viçosa do Ceará, confessou o envolvimento no duplo homicídio. Segundo Francisco Rogério Soares Pereira, de 27 anos, ele estava sob efeito de drogas quando esfaqueou as crianças. 

“Estava fora da minha consciência. Em minha consciência nunca faria uma coisa dessa pois também sou pai", afirmou Francisco Rogério à reportagem da TV Diário. Em entrevista, o suspeito ainda garantiu que as vítimas não foram abusadas sexualmente. Entretanto, somente o laudo da Coordenadoria de Medicina Legal pode confirmar quais circunstâncias os garotos morreram.    

Conforme a Polícia Civil, ao ser pego, Rogério, que já possui passagem por roubo, entregou o possível comparsa Iranildo Antônio de Araújo, de 34 anos, que também foi preso. Iranildo negou qualquer participação no crime. Um terceiro suspeito de participar do crime, um adolescente, também chegou a ser ouvido pela Polícia, mas foi liberado em seguida por ausência de provas.

"Segundo Rogério eles estavam nesse local fazendo uso de drogas e, ao ver os menores, Iranildo chamou ele para matar as crianças. Eles inclusive utilizaram a faca que uma das crianças portava para matá-las”, revelou o titular da Delegacia Municipal de Viçosa do Ceará, delegado Gregório José de Oliveira Neto.

O caso

Os irmãos de 8 e 10 anos de idade foram assassinados com golpes de faca nas proximidades da casa onde moravam, no Sítio Inharim, zona rural de Viçosa do Ceará, na Serra da Ibiapaba, na manhã do último domingo (16).

As crianças tinham ido ao matagal pegar alimentação para um carneiro da família, quando foram surpreendidos pelos criminosos. Francisco foi esfaqueado no pescoço e no peito e morreu no local. O irmão Iracione sofreu golpes no braço e na coxa, ainda foi encontrado pela população com vida e foi socorrido por uma ambulância, mas morreu ao dar entrada em uma unidade de saúde.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Polícia

Veja mais

Comentários

VC na tv diário

Flagrou algo inusitado ou presenciou um fato marcante? Envie seu material - foto ou vídeo - para a produção do seu programa favorito.

Fale conosco

Fale diretamente com a produção dos programas da TV Diário. Atenção: o formulário abaixo não permite o envio de anexos.