Fé: conheça a história de pais que superaram a dor de perder um filho Na 5ª reportagem da série especial 'Mãe', exibida pelo Jornal do Meio Dia, foram mostradas as histórias de duas mães que encontraram na fé um caminho para transformar a dor da perda de um filho em amor

17/05/2017 - 17h45 - Redação Web - TV Diário
a- a+


Superar a morte de um filho não é tarefa fácil. Na 5ª reportagem da série especial 'Mãe', exibida pelo Jornal do Meio Dia durante a última semana, foram mostradas as histórias de duas mães que encontraram na fé um caminho para transformar a dor da perda de um filho em amor.
 
As histórias, interligadas, começaram na perda de Dona Helena Serpa de seu filho, Serpa Neto. O "Serpinha", como era chamado carinhosamente, era apaixonado pelo futebol, pelo Fortaleza, seu time de coração, pela família, amigos e pela profissão de jornalista. Mas um acidente de carro tirou sua vida ainda aos 24 anos.
 
Se vivo, Serpinha completaria 49 anos em março deste ano. Os 25 anos que seguiram depois da morte foram de aprendizado para a família. Logo depois do acidente, sua mãe começou a juntar algumas fotos e promover orações em casa. "Quando o Serpinha morreu, os amigos, os primos, parentes, se aproximaram muito de mim. Eu os reunia aqui em casa, abria a bíblia, rezava com eles, e fui percebendo que Deus estava querendo algo especial", afirmou Helena.
 
Alguns meses depois, ela acredita ter recebido um sinal divino. "Um dia, quatro meses depois, eu fui para Aparecida para um Congresso da Renovação Carismática, que eu já fazia parte e lá, um jovem que eu não conhecia fez uma oração em mim e disse 'Deus tem um projeto muito grande para realizar através da senhora'", lembrou.
 
A partir daí ela começou a reunir mais gente para a missão. "Nós começamos uma reunião nessa sala. Hoje somos uma comunidade, a 'Um Novo Caminho'".
 
A comunidade formada por ela se expandiu e atingiu a um outro casal: Juliana de Brito e Thiago Arcoverde. Eles faziam parte do grupo quando Juliana engravidou de Benjamin. Tudo ia bem até que ela teve um deslocamente de placenta nas últimas semanas de gestação e perdeu o bebê.
 
O momento foi difícil e encontraram na fé a força necessária para vencer a dor. "Todas as vezes que nós estávamos falhos na fé, que pensávamos que íamos cair, Deus vinha e nos levantava", disse Thiago.
 
Juliana foi aconselhada pelos médicos a não engravidar, pois correria grandes riscos. O casal, no entanto, estava determinado a ter um filho e, recentemente, veio a pequena Helena, de mesmo nome da criadora de sua comunidade. "Ela veio resplandecer todo o amor de Deus em nós. Foi a forma que ele nos presenteou para a gente viver de forma plena", afirmou Juliana.
 
O casal contou ainda que se sente abençoado por Benjamin, o qual eles creem estar vivo na forma de anjo. "Ele está presente no meio de nós, trazendo tudo de bom que ele pode trazer pra gente", falou a mãe.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Cidade

Veja mais

Comentários

VC na tv diário

Flagrou algo inusitado ou presenciou um fato marcante? Envie seu material - foto ou vídeo - para a produção do seu programa favorito.

Fale conosco

Fale diretamente com a produção dos programas da TV Diário. Atenção: o formulário abaixo não permite o envio de anexos.