Ceará teve menor impacto na queda de vendas de carros novos em relação ao País

06/01/2016 - 10h11 - Redação Web - TV Diário
a- a+


O setor automotivo sofre com a queda nas vendas. O ano de 2015 fechou com o menor número desde 2008 e não há perspectivas de melhora no curto prazo.
 
No Ceará, a redução teve menor impacto que os índices registrados no País. Em Fortaleza, alguns consumidores driblaram a crise nesse início de ano e fizeram negócio. Foi o caso de Sérgio Magalhães que entrou no carro, sentou no banco do motorista, olhou tudo por dentro e fechou negócio. 
 
Apesa da crise, o funcionário público estadual achou que era o momento certo para fazer o investimento. "Depende também de quanto que você vai dar de entrada. Se você for comprar um carro financiado a longo prazo, com a entrada baixa, com certeza a taxa de juros será muito elevada e isso vai, inevitavelmente, pesar no bolso. Mas acho que é o momento certo pra trocar. Eu medi, analisei, o carro está conservado", explicou Sérgio. 
 
Já seu Antônio Cordeiro precisava trocar o carro. O carro que ele queria, custava R$ 51 mil, acabou saindo por R$ 46 mil e o negócio foi fechado. No caso do aposentado, a necessidade venceu a crise. Foram compras como a de Sérgio e Antônio que diminuíram o impacto da crise de venda de veículos novos no Ceará. 
 
"Apesar de todas as dificuldades, eu avalio como bom porque nós tivemos uma série de problemas de ordens financeira, política, econômica e de credibilidade", avaliou Fernando Pontes, presidente da Funabreve-CE. 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Carros e Motos

Veja mais

Comentários

VC na tv diário

Flagrou algo inusitado ou presenciou um fato marcante? Envie seu material - foto ou vídeo - para a produção do seu programa favorito.

Fale conosco

Fale diretamente com a produção dos programas da TV Diário. Atenção: o formulário abaixo não permite o envio de anexos.