Diário Regional - 1.500 Kg de carne de procedência duvidosa é apreendida em Quixadá

27/01/2018 - Redação Web - TV Diário
a- a+

Um operação realizada pela Polícia Civil trouxe à tona um problema recorrente em várias cidades do interior do Ceará: a venda ilegal de carne bovina, a chamada carne de moita, que coloca em risco a saúde da população. 
Um dos registros aconteceu em Quixadá, no Sertal Central, onde 1.500 quilos de carne de procedência duvidosa foram apreendidos. O abate era realizado de forma irregular, já que o matadouro público esta interditado desde 2016.
No interior cearense mais 50 matadouros públicos estão fechados. Em Cariús, no Centro Sul do Estado, o matadouro está interditado desde 2011. O abate de animais é feito em outras cidades. A distância exige frete, o que encarece o produto. E ainda tem a seca, que reduziu a oferta de animais.

Vídeos relacionados

VC na tv diário

Flagrou algo inusitado ou presenciou um fato marcante? Envie seu material - foto ou vídeo - para a produção do seu programa favorito.

Fale conosco

Fale diretamente com a produção dos programas da TV Diário. Atenção: o formulário abaixo não permite o envio de anexos.