Tudo por Elas

Estrela no Tudo por Elas, Mattu Macêdo comenta satisfação em nova fase da carreira

08/04/2015 - 10h06 - Redação Web - TV Diário
a- a+
Mattu-macedo gastronomia culinária escola-de-culinaria
A culinarista Mattu Macêdo já tem mais de 22 anos de tradição com programas de gastronomia na televisão cearense (Foto: Lucas Bernardo)
Matusaíla de Aragão Macêdo. O longo nome esconde o doce cuidar e a dedicação na cozinha, como uma mãe, a amiga Mattu Macêdo.
 
Rosto conhecido da TV, professora dedicada na Universidade Federal do Ceará (UFC), chef de cozinha e dona de casa são algumas das facetas dessa profissional apaixonada por gastronomia.
 
Fundadora da primeira escola de culinária no Ceará, Mattu encara agora uma nova fase em sua trajetória. Ao lado de Paulo Oliveira, Mariana Carvalho e Natália Queiroz, a culinarista comanda o programa Tudo por Elas, atração matinal da grade da TV Diário.
 
Em entrevista para o Portal da TV Diário, a culinarista revela de onde surgiu o gosto pela gastronomia, o começo na televisão e os planos para o futuro na TV Diário e em outros campos profissionais.
 
TVD - Como foi o início na televisão? De onde surgiu o desejo de trabalhar na telinha?
 
Mattu - Foi uma coisa que nunca pensei em trabalhar. Tinha a Escola de Culinária, a primeira do Ceará, e a apresentadora de um programa de outra emissora teve que se ausentar. Até que o diretor do programa passava próximo à escola e havia uma faixa. Como precisava de outra apresentadora para substituir, ele me contactou de manhã e, no mesmo dia, fui para a rádio. Gravei em uma quarta-feira e fui ao ar, como piloto, no sábado e passei 22 anos e 8 meses. Acredito que deu certo porque não sou apresentadora, sou cozinheira. Faço o que sei fazer e a identificação com a maioria das donas de casa é o que tento passar. Como pratico, vou observando o que me facilita cozinha.
 
TVD - E a paixão por cozinhar, de onde surgiu?
 
Mattu - Sou filha adotiva, criada pela minha tia desde os 6 meses. Minha mãe legítima sempre cozinhou para sustentar os filhos. Ela fazia doce de leite, doce de mamão, puxa-puxa, alfininho, bolos moles e fofos. Acredito que a história da geração foi sentindo todos esses cheiros. Somos uma família de 8 pessoas e sou a única a cozinhar, fui criada separada de todo mundo. Quando vim para Fortaleza e estudei em uma escola de freiras, das irmãs Josefinas, havia uma irmã que cozinhava muito bem e aos poucos fui me aprimorando. Fazia também muitos cursos de supermercado, de graça, pois era estudante. Deixei o emprego nos Correios para cozinhar, pois era o que eu sabia e gostava de fazer. Fui me aprimorando e sempre soube que queria cozinhar, embora meu pai sempre quisesse que fosse médica.
 
TVD - Como está sendo a nova fase da carreira no Tudo por Elas? O que você espera do programa para o futuro?
 
Mattu - Tudo que Deus faz é preparando para algo melhor. Então, essa preparação de 22 anos em outra emissora era para estar, de repente, aqui (TV Diário), em um nível de exigência maior e profissionalismo. Estou muito feliz aqui, o Paulo Oliveira é uma pessoa que tem uma dinâmica muito grande; a Mariana e a Natália têm uma interação muito grande com ele e estou muito feliz. Ao mesmo instante que falo de cozinha, falo de como sou, igual a quem está do outro lado da tela. Estou sendo muito privilegiada.
 
TVD- E além da televisão, há algum plano que está tocando para agora ou pretende realizar em um tempo próximo?
 
Mattu - Estou estudando para o mestrado em Gastronomia. Também sou professora da Universidade (Federal do Ceará). Posso estar aqui de manhã, pois minha carga horária lá é pela manhã e tarde. Pretendo também movimentar mais as redes sociais, como o Instagram, porque é uma oportunidade de você estar mais perto das pessoas, socorrendo na cozinha quando elas precisam e também pretendo escrever meu livro. Faz muito que escrevo e leio mas não gosto do que estou fazendo (seu livro). Vou tentar ser menos perfeccionista.
 
Você pode acompanhar as receitas deliciosas da Mattu sempre às segundas e sextas-feiras, no programa Tudo por Elas, que vai ao ar de segunda a sexta-feira, a partir das 9h30.
 
*Com produção de Lucas Bernardo Reis.