Prefeitura de Acarape é investigada por superfaturamento Entre os itens, pastas AZ que foram compradas por R$ 180 a unidade enquanto no mercado o preço varia entre R$ 8,80 e R$ 33,52.

29/06/2018 - 10h18
a- a+


O Ministério Público do Estado do Ceará vem investigando casos de superfaturamento envolvendo a Prefeitura de Acarape, no Maciço de Baturité. A denúncia é de julho do ano passado por compras de materiais de escritório com valores muito acima do mercado. 
 
André Zech, promotor de justiça responsável pela investigação, confirmou que já foram identificados superfaturamento de vários itens. Alguns chamam atenção pela grande diferença de preços, como pastas AZ que foram compradas por R$ 180 a unidade enquanto no mercado o preço varia entre R$ 8,80 e R$ 33,52. 
 
Além disso, outras irregularidades foram percebidas durante as investigações, como o pagamento dos produtos sem a liquidação das notas fiscais e pagamento de plantões médicos e diárias de viagens que não aconteceram.
 
A Prefeitura informou que este caso se trata de perseguição política. Sobre o superfaturamento de produtos, eles afirmam que o problema foi erro de digitação nas notas fiscais

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Regional

Veja mais

Comentários

Instagram

@tvdiario

Canal 22.1 em HD. Perfil oficial da TV Diário, que é a cara do Nordeste: desenrolada, invocada e estourada. 😝 WhatsApp: (85) 98755-0153