Homem confessa assassinato de travesti, mas é liberado por falta de flagrante em Juazeiro do Norte Ele alegou legítima defesa, mas o delegado descarta a hipótese por terem sido desferidas 15 facadas contra a vítima

17/05/2017 - 15h28 - Redação Web - TV Diário
a- a+


Foi detido na manhã desta quarta-feira, em Juazeiro, Cícero Frazão Ribeiro, de 21 anos. Ele é acusado do assassinato da travesti Ketlin, de 31 anos, na madrugada do último domingo (14). Cícero foi levado para a Delegacia Regional e confessou o crime, mas foi liberado por não haver flagrante.
 
O assassinato aconteceu atrás da rodoviária de Juazeiro do Norte. Segundo Cícero, ele teria agredido Francisco Carlos de Miranda, que usava o nome de Ketlin, em legítima defesa, pois ela teria tentado agredí-lo. O delegado da divisão de homicídios da cidade, Giovane Aquino, no entanto, afirma que a hipótese está descartada, já que o homem esfaqueou Ketlin 15 vezes.
 
O criminoso afirmou ainda que teria bebido e usado cocaína, quando encontrou com Ketlin e tiveram uma discussão.
 
Outros casos
 
O Ceará atraiu olhares do mundo inteiro este ano com a morte da travesti Dandara dos Santos, no dia 15 fevereiro. O caso ganhou repercussão após a divulgação de um vídeo que mostra a vítima sendo espancada até a morte.
 
Na mesma semana, em 17 de fevereiro, a também travesti Érika Isidoro foi espancada e jogada de um viaduto na Avenida José Bastos, na volta de uma festa de pré-Carnaval. Ela ficou internada no IJF e morreu dois meses depois.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Polícia

Veja mais

Comentários

VC na tv diário

Flagrou algo inusitado ou presenciou um fato marcante? Envie seu material - foto ou vídeo - para a produção do seu programa favorito.

Fale conosco

Fale diretamente com a produção dos programas da TV Diário. Atenção: o formulário abaixo não permite o envio de anexos.