Supermercados registram queda de preços pelo segundo mês consecutivo em Fortaleza A redução na média geral dos 47 itens consultados foi de 3,8%

31/08/2017 - 17h45
a- a+


Supermercado
Pelo segundo mês consecutivo, os preços de alimentos e produtos nos supermercados da Capital registraram redução na média geral. É o que aponta a nova pesquisa do Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza), realizada nos dias 24 e 25/8. 
 
Comparando com o levantamento anterior (26 e 27/7), quando a soma de todos os produtos chegou a R$ 275,27, a redução na média geral dos 47 itens consultados foi de 3,8%, tendo em vista que em agosto os mesmos produtos somaram R$ 264,80.
 
> Confira aqui a pesquisa completa
 
De acordo com o novo levantamento e comparando os dois períodos (julho e agosto), pelo menos cinco alimentos registram dois dígitos de queda nos preços e puxaram a redução na média geral. São eles: 
 
- tomate (-33,91%)
- molho de tomate (-22,03)
- feijão (-16,15%)
- açúcar (-13,44%) 
- cebola (-11,95%). 
 
Outros 20 alimentos também apresentaram diminuição na média geral.
 
Já em relação aos produtos que seguem tendência de aumento nos preços, a pesquisa do Procon Fortaleza indica que 19 itens tiveram elevação entre os dois períodos (julho e agosto), com destaque para a carne bovina de segunda, que subiu 25,79%, a banana, com aumento de 15,84% e o pimentão, que sofreu reajuste de 11,80%.
 
O Procon também realiza um comparativo dos mesmos produtos com as mesmas marcas, entre os supermercados pesquisados. Nesta análise, a laranja foi o alimento que mais variou de preços, sendo encontrada de R$ 1,29 a R$ 3,79, indicando 193,80% de variação. Em seguida, o tomate, que pode ser comprado de R$ 2,48 a R$ 6,98, ou seja, 181,45%.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Economia

Veja mais

Comentários

VC na tv diário

Flagrou algo inusitado ou presenciou um fato marcante? Envie seu material - foto ou vídeo - para a produção do seu programa favorito.

Fale conosco

Fale diretamente com a produção dos programas da TV Diário. Atenção: o formulário abaixo não permite o envio de anexos.