Falta de acessibilidade dificulta a vida de pessoas com deficiência nas ruas de Sobral

02/10/2018 - 12h08
a- a+


Calçadas sem rampa, buracos nas ruas, falta de ônibus adaptados. Essas são apenas algumas das dificuldades que as pessoas com deficiência encontram nas ruas de Sobral. Apesar de algumas adaptações terem sido feitas, ainda é difícil transitar pelas ruas. 

Afonso Ferreira perdeu a visão ao 16 anos e a falta de piso tátil nas praças e calçadas atrapalha a sua rotina. Além disso, não há sinal sonoro próximo aos semáforos. "A gente espera mais pela ajuda dos populares para atravessar", explica Afonso. 

Cristina Maria Nunes é Conselheira Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência e afirma que "todos nós somos cidadãos de direitos e de deveres. Se tivesse acesso a oportunidades e a situações que favorecem esses direitos de ir e vir, o acesso a uma educação de qualidade, acesso à saúde, à profissionalização, à capacitação, trabalho e emprego, as pessoas com deficiências poderiam levar uma vida muito melhor".

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Cidade

Veja mais

Comentários