Eleitor tem apenas dois meses para para tirar título e transferir domicílio Quem perder esse prazo só poderá fazer a alteração após as eleições, para os próximos pleitos

09/04/2018 - 19h13 - - Agência Brasil
a- a+


TRE

O eleitor tem até o próximo dia 9 de maio para requerer a sua inscrição eleitoral, alterar dados cadastrais ou transferir o domicílio eleitoral para estar apto a votar nas eleições de outubro. A data também será o último dia para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicitar sua transferência para seção com acessibilidade.

Ainda de acordo com o calendário eleitoral, 9 de maio será o prazo final para que os presos provisórios e os adolescentes internados que não tiverem inscrição eleitoral regular sejam alistados ou requeiram a regularização de sua situação para votar nas eleições de 2018. 

A inclusão e a atualização da identidade de gênero no cadastro eleitoral também devem ser feitas até o dia 9 de maio para valer nas eleições de outubro. Travestis e transexuais podem incluir o nome social no título de eleitor e no caderno de votação das eleições desde o dia 3 de abril.

Quem perder esse prazo só poderá fazer a alteração após as eleições, para os próximos pleitos. O nome social é aquele pelo qual o transexual ou travesti é reconhecido socialmente, diferente do nome civil, que consta na certidão de nascimento. Já a identidade de gênero estabelece com que gênero a pessoa se identifica, masculino ou feminino.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Brasil

Veja mais

Comentários

Instagram

@tvdiario

Canal 22.1 em HD. Perfil oficial da TV Diário, que é a cara do Nordeste: desenrolada, invocada e estourada. 😝 WhatsApp: (85) 98755-0153