João Inácio Jr.: em entrevista exclusiva, apresentador fala sobre carreira, família, Joyce e mais Confira o vídeo com esse bate-papo com um dos maiores ícones da televisão brasileira

22/06/2017 - 19h06
a- a+


João Inácio
Nossa equipe do Portal da TV Diário bateu um papo exclusivo com o apresentador João Inácio Jr., um dos maiores ícones da televisão brasileira. Ele falou sobre o início da carreira, família, lazer, música e muito mais. Confira no vídeo ao lado a entrevista completa.
 
Começo da carreira
 
João Inácio tem mais de 40 anos na profissão e contou um pouco de como isso começou. "Tô entrando nos 41 anos de comunicação. Foi lindo, foi maravilhoso. Sempre fui apaixonado por comunicação. Em 1976, na Ceará Rádio Clube, tudo começou".
 
Ele contou que teve pessoas importantes responsáveis por seu pontapé inicial. "Uma das pessoas que eu mais tenho gratidão é o Dr. Francisco Gadelha. Ele era, na época, diretor artístico da Ceará Rádio Clube, e eu fui lá. 'Preciso de uma oportunidade'", contou.
 
E foi assim, 'metendo as caras' que ele conseguiu seu primeiro emprego na área, aos 17 anos. "Ele disse 'não tenho vaga, mas venha fazer um teste'. Quando eu fiz, ele se impressionou e disse uma coisa que, para mim, foi fantástica. 'Você já trabalha em rádio. Você trabalhar em alguma rádio de São Paulo e do Rio e está em Fortaleza pregando uma peça'. Cara, eu fiquei impressionado. Pra mim foi um elogio fantástico", relembrou.
 
Ídolos
 
Do jeito que é espelho para muita gente, João Inácio também admirava outros nomes da televisão brasileira, e contou quem eram seus ídolos. "O Brasil tem grandes comunicadores em rádio e televisão. Eu gosto de um trabalho bem feito. Então, eu admirei e admiro muitas pessoas. (...) Eu admirava muito o Sérgio Chapelin, o Cid Moreira. Na comunicação, quem não admira o Silvio Santos? Talvez o maior homem da apresentação da história do Brasil".
 
Por trás das câmeras
 
João garante que fora da televisão é a mesma pessoa carismática que está ali na tela da população cearense, e que adora os fãs. "Eu sou a mesma pessoa. Sou simples, de fácil acesso, procuro ser extremamente carinhoso. Às vezes o artista, o comunicador, o cantor, na televisão é um jeito, e quando as pessoas o encontram por aí, é absolutamente diferente. Inacessível, vaidoso, orgulhoso. Isso não acontece comigo", afirmou.
 
Família
 
João tem quatro filhos: Brenna Késia, Ariane, Aléxia Rebeca e João Áxel. E ele se considera presente na vida de seus amados. "Tenho quatro filhos que amo profundamente. Sempre quis ser pai e faço tudo pra ser um bom pai. Minha filha mais velha tem 36 anos, a Brenna Késia, depois tenho uma filha de 24 anos, que mora em Nova York, é modelo lá. Tenho outra de 16 anos, e um filho de 13", descreveu.
 
"Sou apaixonado pelos meus filhos. Sempre quis e tento ser um paizão", disse.
 
Lazer
 
O apresentador afirma que a vida é bastante corrida e sobra pouco tempo para o lazer. "Sempre sobrou muito pouco tempo. Sempre fui muito dedicado ao meu trabalho e me divirto com meu trabalho".
 
Ainda sobre o assunto, conta que tem receio de sair muito de casa por conta da violência e prefere ficar com os filhos. "Lazer, ultimamente, praticamente não tenho. Com a violência do mundo hoje, eu temo sair às ruas. Um trânsito caótico, pessoas iradas dirigindo, possibilidade de acidente. Você vai pruma praia, prum hotel, pruma fazenda, os bandidos vão lá. Então eu sou um cara de casa", contou.
 
Música
 
Responsável pelo impulso de diversas bandas, João garante que escuta de tudo quando se trata de música. "Todos os estilos musicas têm coisa boa. O forró tem muita coisa boa, a sofrência, o sertanejo, música romântica, música clássica. O que eu curto na música é tudo".
 
Caso Joyce
 
Um caso que repercutiu muito em seu programa nos últimos tempos foi o da menina Joyce, que tinha 300kg aos 17 anos. João diz que seu apego à religião lhe faz querer ajudar. "Eu sou um seguidor de Jesus Cristo. Meu mestre é Jesus Cristo, eu sou muito ligado a Deus e ao Espírito Santo. E Ele disse que a gente tem que ajudar. E coloco os meus programas como serviço, ajudar ao próximo".
 
Ele relembrou o começo da história de Joyce. "Chegou para nós uma menina de 300kg com 17 anos. Nós procuramos e não existia no planeta Terra nenhuma garota com 300kg ou mais. Ela já praticamente não andava, não saía de casa, e nós começamos a tratar da Joyce".
 
> "Meu sonho é voltar a andar", diz Joyce, após perder 130kg
 
E contou ainda como foram os meses seguintes, durante o tratamento dela. "Ela passou 11 meses internada, passou por cirurgias, mais de 20 médicos cuidando dela. Hoje, ela perdeu 130kg e está com 170kg", afirmou.
 
Realizações
 
João Inácio diz ter realizado muitas coisas na vida, mas que ainda tem vários sonhos e pretende nunca parar de tê-los. "Quando a pessoa acredita que já está realizada, ela começa a não ter mais sonhos, objetivo, a não correr mais atrás. Eu estarei sempre em realização. Se Deus me permitir, eu não vou parar nunca", finalizou.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Famosos

Veja mais

Comentários

VC na tv diário

Flagrou algo inusitado ou presenciou um fato marcante? Envie seu material - foto ou vídeo - para a produção do seu programa favorito.

Fale conosco

Fale diretamente com a produção dos programas da TV Diário. Atenção: o formulário abaixo não permite o envio de anexos.