Fagner fala sobre sexualidade, carreira, família e Belchior em entrevista exclusiva a João Inácio "Mal entendido", disse o cantor sobre suposta declaração de que teria tido relações com homens; veja entrevista na íntegra

12/06/2017 - 19h03
a- a+


O cantor Raimundo Fagner deu uma entrevista exclusiva para o João Inácio Júnior, revelando vários "bafulês". Ele falou sobre a família, a carreira, viagra e sexualidade. Confira no vídeo a íntegra desse papo descontraído.
 
Relações com outros homens?
 
Uma dúvida que muitos têm com relação ao astro da música brasileira é sobre sua sexualidade. Isto muito por conta de uma entrevista do cantor à revista 'Quem' no ano de 2007, onde foi publicado que Fagner teria assumido que teve relações com outros homens. Segundo ele, no entanto, tudo não passou de um mal entendido.
 
"Eu tenho amizades com homens há muitos anos (risos). Não, isso aí foi uma entrevista mal resolvida com esse garoto da revista. Rolou uma brincadeira lá, e ele terminou jogando essa afirmação, mas eu nunca dei importância, porque não tinha nenhum fundo de verdade", revelou Fagner.
 
Sexo
 
João Inácio aproveitou para perguntar se a vida sexual do cantor ainda está indo bem. "Ninguém tem reclamado não", brincou o entrevistado.
 
Quando João perguntou se ele andava tomando uns 'comprimidos' para ajudar, Fagner disse: "Não sei nem o que é isso. Viagra? Nunca tomei".
 
Vida amorosa
 
Raimundo Fagner disse que está solteiro, mas que nunca está sozinho. "O coração ocupado tem que estar. Sempre tem pessoas perto de mim, grandes amigas aqui no Ceará, no Rio. Sou solteiro, mas não sou um cara sozinho", revelou.
 
Perguntado sobre a razão de nunca ter casado, ele revelou que foi abandonado ainda jovem e resolveu investir na carreira. "Boa pergunta. Nem eu sei. Teve um momento da minha vida em que eu me apaixonei perdidamente, envolvido demais, e deu pra trás. Levei um fora numa hora decisiva da minha vida, que talvez eu nem tivesse sido artista, tivesse ficado aqui e casado", disse.
 
Belchior
 
Fagner contou sobre sua infância, sua relação com a cidade de Orós, a família, e, é claro, sobre sua parceria com o recém-falecido Belchior. Segundo ele, a parceria foi um dos motivos de seu crescimento na música, após ter abandonado a faculdade. "No começo sim. Foi muito forte, virou meu parceiro, até porque, para mim, é o maior poeta da nossa geração. Nós chegamos no Rio, praticamente como uma dupla: Belchior e Fagner".
 
Dentre os grandes sucessos, ele destacou a canção 'Mucuripe', lançada em seu primeiro LP 'Manera Fru Fru, Manera'. "É a música mais significativa da minha vida, em parceria com o Belchior também. Através dela, nós tivemos uma divulgação incrível de autor, por conta da gravação da Elis, e em sequência, do Roberto Carlos".
 
 
Curiosidades
 
O cantor revelou ainda sobre sua amizade com Roberto Carlos, suas marcas como músico e até alguns detalhes engraçados, como o fato de não costumar usar cueca. Acompanhe tudo isso e muito mais de Raimundo Fagner no vídeo acima.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Famosos

Veja mais

Comentários

VC na tv diário

Flagrou algo inusitado ou presenciou um fato marcante? Envie seu material - foto ou vídeo - para a produção do seu programa favorito.

Fale conosco

Fale diretamente com a produção dos programas da TV Diário. Atenção: o formulário abaixo não permite o envio de anexos.